sexta-feira, 11 de setembro de 2009

VOU SENTIR SAUDADE

A novela Caminho das Índias está chegando ao fim. Como noveleira militante, confesso que vou sentir saudades de Maya, Raj, Bahuan, da família Ananda, do bigode de Gopal, de Manu, de Kothii, de Ramiro, de Raul, de Ivone e de todos os personagens. Como telespectadora normal e mediana, eu me sinto sempre assim quando acaba uma novela.

Este não é um sentimento exclusivo em relação à novela de Glória Perez. Eu me sinto sempre assim quando acompanho uma novela ou leio um livro que eu gosto. Quando chega ao fim fico com saudades dos personagens, da trama, daquele ambiente... É como se eu tivesse vivido um pouquinho daquilo e fosse deixar aquele mundo. Por isso, sempre que posso, emendo uma leitura na outra. O bom da leitura é que a gente pode escolher o que vai ler em seguida. Na novela não. A gente tem que aceitar o que é oferecido.

A sorte é que agora vem por aí uma novela de Manoel Carlos e a gente já sabe que não vai esperar dele menos do que tivemos com Glória. O elenco também não deixa a desejar. Damos adeus à turminha da Glorinha e saudamos a turminha do Maneco!

DE OLHO NA BALANÇA

O mês de outubro ainda nem começou, mas eu continuo de olho na BALANÇA. Além de Caruru, setembro é o mês dos VIRGINIANOS. Os quais eu saúdo com uma salva de palmas clap-clap-clap-clap...

Apesar de continuar de olho na balança, nunca mais subi em uma. Entretanto, continuo controlando aquela dupla dinâmica chamada MÃO BOBA e BOCA NERVOSA. Como meus amados e insanos leitores sabem, não como por ansiedade ou por depressão. Como por GULA MESMO. Porque GOSTO de COMER e PRONTO! Todos estão elogiando a minha nova silhueta mais delgada. Também delguei os cabelos: fiz escova progressiva (rsrsrs). Aí quando me perguntam se eu não estou me sentindo melhor assim do que quando estava gordinha, tenho que parar para pensar.

Na verdade ainda não decidi se quero continuar magra e contando pontos para toda a vida, ou se volto à bagaceira de comer o que quiser, quando e quanto quiser, e voltar a ser uma gordinha... Não posso dizer era infeliz antes. Não gostava muito da minha silhueta, mas também não era uma coisa que me incomodava HORRORES. Tenho uma visão muito crítica a respeito de quem se preocupa excessivamente com a silhueta. Tenho PAVOR de dieta. Mas estou enfrentando esta com bom humor. Afinal, o que é a vida sem bom humor? Uma chatice!

Portanto digo que estou gostando da minha nova vida de QUASE MAGRA. Mas também tenho saudades de comer uma caixa inteira de BIS, de mamar na lata de leite condensado, de comer VÁÁÁrios brigadeiros e tomar cerveja geladíssima acompanhada com frituras de imersão.

Quando eu era gordinha, toda vez em que eu tinha vontade de emagrecer, sentava e esperava a vontade passar. E sempre passava... A convite de uma amiga, fui à uma reunião dos VIGILANTES DO PESO. E a idéia de fazer dieta com bom humor me contagiou.

Assim cá estou eu, à caminho dos 65 quilos!

Um comentário:

Dri disse...

rss tb fiz escova progressiva! Estamos belissimas!!
:P
não desista não... vc vai sentir o bem q esta fzd para a sua saude , nao apenas soh a silueta...
e acredito q n vou deixar de cometer esses pecados gastronomicos no futuro... mas n pretendo q isso volte a ser rotina...