sábado, 6 de setembro de 2008

PÉROLAS DA CAMPANHA ELEITORAL

Tem gente que não gosta do horário eleitoral no rádio e na TV. De fato. Atrapalha o fim do telejornal e o início da novela. No rádio também nos impede de ouvir as notícias ou de escutar nossas músicas preferidas que tanto nos acalmam quando estamos no trânsito engarrafado.
Mas apesar disso tudo, eu posso dizer que sou uma das poucas pessoas que GOSTA de assistir ao horário eleitoral. Meus amados e insanos leitores podem até dizer que mau gosto não se discute, lamenta-se... Mas sou uma criatura atípica mesmo, senão não teria um blog chamado de O Faniquito.
Mas eu não apenas gosto do horário eleitoral como também explico o porquê. Vi minha colega Carmela Talento comentar outro dia no site Midia Baiana que ela chegou a uma idade em que não tem mais paciência para ouvir tanta bobagem e que desligar o rádio e a televisão poderia ser um bom caminho, mas que, como ela acredita na democracia e no poder do voto, acha que não pode participar de um processo desse sem saber o que está rolando. Carmela está certa (aliás não me lembro dela ter falado algo com o qual não concordasse esta sensata e sábia companheira). Entretanto sou uma pessoa diferente de Carmela e não levo tudo tão à sério. E acho que o horário é uma GRAÇA e me divirto MUITO!
E não é só em Salvador, na tentativa de mostrar que os políticos são "gente como a gente" o marketing político acabou por transformar os candidatos em personagens deliciosos. Sofrem, choram, riem, ficam sérios... Caminham lado ao lado com o povo! Tudo tão fake quanto um filme de ficção científica ou de tubarão filmado em uma piscina. Como disse a minha outra colega a queridíssima Mônica Bichara, falta sinceridade e sobra marketing político aos nossos candidatos. Os que têm equipes de marketing menos sofisticadas e competentes fazem um arremedo do que seria um mkt político e ficam simplesmente HILÁRIOS. Isso sem falar nos que são realmente pitorescos e que dão um tom saboroso à campanha.
Para comprovar o que eu digo, meu amigo e colega Carlão me mandou esta semana o que ele considera as oito melhores pérolas da campanha eleitoral. Acompanhem!
8º lugar - Guilherme Bouças, com o slogan ''Chega de malas, vote em Bouças''
7º lugar - Grito de guerra do candidato Lingüiça, lá de Cotia (SP), 'Lingüiça Neles!'
6º lugar - Em Descalvado (AL), tem um candidata chamada Dinha cujo slogan é ''Tudo Pela Dinha''
5º lugar - Em Carmo do Rio Claro, tem um candidato chamado Gê ''Não vote em A, nem em B, nem em C; na hora H, vote em Gê''
4º lugar - Em Hidrolândia (GO), tem um candidato chamado Pé. ''Não vote sentado, vote em Pé''
3º lugar - E em Piraí do Sul tem um gay chamado Lady Zu, ''Aquele que dá o que promete''
2º lugar - A cearense chamada Debora Soft, stripper e estrela de show de sexo explícito. Slogan: ''Vote com prazer''
1º lugar, campeoníssimo - Candidato a prefeito de Aracati (CE): ''Com a minha fé e as fezes de vocês, vou ganhar a eleição !
Só faltou o slogan daquele candidato a vereador de Salvador, cujo nome não me lembro agora: "Me ajeite que eu te ajeito". Mais direto e sincero, impossível! O ser humano é feliz porque tem a capacidade de rir. Ri de si mesmo e inclusive ri do que não tem graça nenhuma!
BEIJOCAS E TABOCAS!

2 comentários:

Mônica disse...

Muito bom, Su. Esse slogan "me ajeite que eu te ajeito" é de uma candidata, Doroty, que tenta mais uma vez ser vereadora. No cartaz ela coloca "Doroty - o retorno". Esse apanhado está hilário. beijão,
Mônica Bichara

Carlãozinho da Bahia disse...

Assisti ao jogo do Bahia na Barraca Sinhá e encontrei um colega de infortúnio, torcedor tricolor que disse estar cheio de ser trabalhador. Veja o relato do cabra:

"Moro em Narandiba e a região aqui está sob intenso policiamento desde a madrugada de sábado, dia 12. Além da gente a polícia visita também o Beiru (Tancredo Neves), Sussuarana, Cabula, Engomadeira e demais localidades que pertencem à circunscrição da 11ª Delegacia de Polícia Civil.

Tem o lado positivo que é garantir mais segurança, porém, ver um bocado de gente armada andando na rua mete medo, sim.

Já estou cheio de trabalhar, tomar baculejo no ônibus quando tem blitz, demora no transporte coletivo e outros problemas. Penso seriamente em me candidatar a vereador. Tem tanto insano concorrendo que penso em 2012 ser candidato.

Um vereador em Salvador ganha só de salário R$ 7.155,00 e mai$ outra$ vantagens por fora e por dentro... do bolso.

São R$ 22.267,20 de verba de gabinete, R$ 7 mil de verba indenizatória, R$ 2 mil para combustível, R$ 600 para telefone e R$ 350 para uso de correios. Em resumo, a bagatela de R$ 39.372,20 por vereador.

Programa para o mandato do cidadão em questão

Preciso de 8 mil votos. Me ajude que eu te ajudo.
Saúde - Quando virar vereador vou procurar um excelente oftalmologista, comprar óculos novos, arrumar os dentes e fazer um excelente plano de saúde para mim, meus familiares e até para alguns poucos amigos.
Educação - Investir na minha. Já que vou ficar na maior mamata quero fazer mestrado e me preparar para o doutorado uma vez que não vou me reeleger mesmo e nem quero. Com quatro anos me armo.
Habitação - Comprar uma casa própria com piscina já que moro no apartamento de uma combativa que me suporta e me sustenta. Aqui não dei nem uma maçaneta e se ela se retar saio com uma mão na frente e outra atrás.
Transporte - Aprender a dirigir, comprar um carro de alto padrão e nunca mais por os pés em um ônibus na vida.
Segurança - Garantir a minha e de minha família. Você que se vire com a polícia "bem treinada e aparelhada da Bahia", como diz o secretário de Segurança Pública.
Aumento do Piso Salarial - O meu mesmo, de meus parentes e de alguns poucos amigos. Não é possível que depois de quatro anos entrar em minha conta algo em torno de R$ 1.889.865,60 hoje e mais algum se houver reajuste salarial ou convocação extraordinária eu não me dê bem."
Nada mais o descarado falou porque nada mais tive coragem de perguntar!