terça-feira, 11 de julho de 2006

OS DEZ MANDAMENTOS DA PESCARIA

Quem vai pescar no Tocantins PRECISA saber que:
1 – Apesar da ABUNDÂNCIA de peixes, não dá pra sair de barco com vara e anzol pescando em qualquer lugar não. Tem que ter licença da NATURATINS que é o órgão ambiental de lá.
2 – Os rios e lagoas não têm placas de identificação como as ruas. Por isso a gente nunca sabe quando termina um e começa o outro. Sendo assim não se deve ir pescar sem estar acompanhado de um NATIVO, caso contrário você pode ir parar em algum rio de alguma reserva indígena aonde é proibido pescar (exceto para os índios).
3 – Se os índios te pegarem pescando na reserva deles você tá ROUBADO! Se eles forem com a tua cara, tudo bem, é só soltar uma grana pra eles. Mas se eles não forem com a tua cara... É ENCRENCA na certa.
4 – Caso a fiscalização do Ibama (coisa rara por lá porque os índios não gostam do Ibama e vice versa) ou da NATURATINS (que sempre está por lá) te pegue pescando nessa ou em qualquer outra área sem licença, é CADEIA na certa a depender do local em que você esteja nem a licença resolve. E como o crime ambiental é INAFIANÇÁVEL, você vai passar o resto das férias vendo o sol do Tocantins nascer quadrado...
5 – Como eu disse, apesar da fartura de peixes no Tocantins, existem muitos que estão em extinção, por isso sua pesca é proibida. Tem outros tipos de peixes que podem ser pescados, mas só em determinados meses do ano, outros só podem ser pescados a partir de um certo tamanho, outros ainda não podem ser pescados em tempo algum e de maneira alguma. Por isso, se você é daquelas pessoas que, como eu, não sabe diferenciar um TUCUNARÉ de uma CARANHA, nem pegue no anzol...
6 – A vida na beira do rio sem repelente de insetos é IMPOSSÍVEL!
7 – Os nativos afirmam que os jacarés são inofensivos.Não atacam os seres humanos exceto a FÊMEA, quando está recém parida (TINHA QUE SER MULHER!!!). Assim, se você não sabe diferenciar um jacaré de uma jacaroa, e nem sabe dizer quando ela está com filhotes, é bom manter uma distância respeitosa dos caiman crocodillus yacare alligatoridae vulgarmente chamados de JACARÉS.
8 – Rio não é piscina! Meu velho pai sempre diz: em rio que tem piranha, jacaré nada de costas. Por isso, todo cuidado é pouco ao se banhar em águas ribeirinhas, ainda que seja bem na beirinha. O rio é o espaço dos peixes, não o seu. RESPEITE!
9 – Os bichos acordam cêdo. Por isso, se levante antes deles! A pescaria começa às CINCO E MEIA DA MANHÃ!
10 – Enquanto estiver na pescaria você vai poder ouvir sons que nunca ouviu e ver coisas que nunca viu, por isso RELAXE E APROVEITE! E quando voltar, MINTA um bocado!

BEIJOCAS E TABOCAS!!!

3 comentários:

Matilda Penna disse...

Adorei os tuiuius em confabulação na beira da estrada, que fofocada, não?
E esse horário de pescaria, os anzois que me perdoem, mas acordar cedo assim só para amamentar filho, antes que minha mente despertasse de vez a "jacaroa" me abocanhava na certa, não ia ter coordenação nem para passar repelente de inseto, "viximaria"!
Mas tudo bem, a "visão paradisíaca da natureza em todo seu esplendor" pede muitos sacrifícios, acordar cedo deve ser o menor deles, não?
E olha que eu amo a natureza, de verdade verdadeira...
Beijos, :).

Carlão de Oliveira disse...

Que bom que voltou. Estava com saudades. Não estou atualizando o meu blog por problema$ técnico$. Um beijo e dê notícias!
Carlão

Luciá disse...

Estava com saudades ainda bem que voce voltou. Adorei a aula de geografia. Beijos te adoro.